quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Veja Fernando, Sou Pessoa!

Eles falam de sorte. E a sorte o que é se não colocar as probabilidades ao nosso favor? 
Viva aos principes e princesas que não erram, já dizia Fernando, o Pessoa. E eu de princesa não tenho nada, nem cara, nem coroa nem comportamento. Sou toda imperfeições e probabilidades...
Eu, que só vivo por aí a catar as coisas da vida que acho que vão falar a pena, não importando se vem do alto ou de baixo, onde em um mundo que gira o alto vira baixo há todo instante...
É Fernando. Eu também sou vil. Também vivo errando, caindo, levando rasteiras, mentindo, omitindo e sendo gente, sendo bicho. E que não vivo desconfiada pelos cantos fingindo que vejo de cima. Isso dói o pescoço demais!
Eu sou é plebe, e não perco minha naturalidade entre esses reis!
Eu que vivo do provável, fazendo o que posso para trazer isso ao meu favor que não abro a boca em meio aos cheios de sorte, pura sorte, esperando a sorte, colocando a culpa no destino.

Eu, Fernando, veja só, também sou pessoa no fim das contas. Sem paciência com todos esses príncipes.

Lorem Krsna

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dúvidas? Indagações? Palpites? Ideias? Epifanias?
Só para comentar mesmo?
Tudo bem!
A vontade!
Aberta a opiniões.
A agradeço a sua visita ao anjo sonhador.
Espero que volte sempre que quiser, serás bem-vindo.

Vasculhe

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...