sábado, 10 de março de 2018

Sobre querer


"No fim, o que desejamos é uma ilusão que se torne real.
Uma expectativa que não quebre, que as pessoas que amamos vivam para sempre e segundos volumes que não estraguem um enredo muito bom.
Queremos isso, e pensamos que é tão pouco...esperar que os amigos sejam sempre os mesmos e que a mudança só venha quando estivermos prontos. Queremos exclusividade, sermos especiais, mas não sermos diferentes ou excluídos. 
Queremos que algo como "incerto" não exista.
E não é a incerteza que sempre dói mais?
Paz de espírito. É, isso já seria um bom começo para mim."

Lorem Krsna

Das cores na parede


" Deixe as coisas mais simples. 
Resolva os problemas mais urgentes. 
Não dando espaço para coisas em branco. 
Tanto tempo entre os móveis, que um dia acordo e sou apenas mais uma camada de poeira... 
E o mundo do lado de fora não me atrai nessa horas. 
Quando quero apenas ser parte das gavetas, achar minha vida em uma mala, um bilhete, um aviso perdido por aí. 
Lembro da época em que encher as paredes de cores era suficiente. 
De quando arrumar gavetas era só para jogar fora a bagunça.
E saudades tem cara de quem?
Da época que eu queria ser livre, e esse era o único porém. 
Que eu nem sabia quem eu era, e tudo era bem mais fácil assim.
Por que hoje eu sei, que tudo que é oco, ocupa um espaço sem cor e sem graça. 
E não existe tinta que possa ocupar esse vazio do que já foi."

Lorem Krsna

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Perdoa ai moço



"Moço, perdoa ai minha excentricidade. 
Eu não sei ser de outro jeito não.
Perdoa ai, se canto Queen em uma segunda bem cedo.
Se eu não sei agir de acordo, de chorar e sorrir na hora certa.
Nunca aprendi.
Perdoa ai, se eu fico calada de repente
Se eu sumo, se eu mudo sem aviso.
Tem esse lugar na minha mente para ao qual fujo
Pra me organizar, pra viver todo o luto.
Perdoa ai moço, eu foco tanto à frente, que ao redor tudo fica desfocado.
Você vai desculpar essas coisas que não sei mudar de mim
Juro que não sou má pessoa não.
Estou aprendendo ainda, a colocar a tristeza e a felicidade nas gavetas certas.
As vezes fica tudo misturado mesmo
Tudo tão preenchido, que não sobra espaço pra ninguém mais além de mim."

Lorem Krsna 

quarta-feira, 28 de junho de 2017

-----





Tenho metros
 Encobertos dentro mim
 E então, que faço?
 Tudo é um embaraço
 E só me resta cavar 
 E bem fundo, para achar
 Um pouco de mim.” 

O Menestrel

Cometa





"Nada de imitar seja lá quem for.

Temos de ser nós mesmos.

Ser núcleo de cometa, não cauda.

 Puxar fila, não seguir."

Monteiro Lobato.   

Há quem diga


 
Há quem diga que todas as noites são de sonhos. Mas há também quem garanta que nem todas, só as de verão. No fundo, isto não tem muita importância. O que interessa mesmo não é a noite em si, são os sonhos. Sonhos que o homem sonha sempre, em todos os lugares, em todas as épocas do ano, estando a dormir ou acordado.
  Shakespeare.  

Queda

A menina queria voar
Ela caiu
No caos, da cama, na mesmice.
Caiu da nuvem, direto pro chão.
Caiu no poço
Caiu na real
Caiu do império de seus maiores sonhos.
Ela caiu
Da escada, da sacada.
Pensou que era passarinho, queria voar.
Ela caiu no abismo que achava que olhava só
O abismo que também a olhava sem ela se tocar.
Ela caiu
Na ilusão, da ilusão.
Caiu em luto, em greve, em sina.
Sempre caindo, essa menina.
Dá um salto no ar
Caiu do palco, no meio do espetáculo
Ninguém a viu no chão chegar.
Dizem que saiu voando, que de tanto querer ser passarinho
Criou asas e se tornou um.


Lorem Krsna

Vasculhe

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...