segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Tatue-me


Me tatue em tua mente,
com tinta de cor e emoção.
Faz-me assim, permanente.
No  teu pensamento e coração.
Faz-me areia do teu deserto,
ou o vento que nunca te deixa dormir.
Faz-me, incômodo, errado ou certo.
Mas ache uma maneira de não esquecer de mim.
Faz-me a canção que não para de lembrar,
ou o filme que quer sempre assistir.
Para que mesmo sem querer, de tanto cantar,
vai ficar assim, lembrando sem fim.
Faz-me presente, na minha ausência.
Ao invocar meu nome nos cadernos antigos
E naquele vidro seco de essências,
do perfume que comprei contigo.
Faz-me parte de teu baú de lembranças,
para que possa sempre me ter guardada.
Transforme-me na tempestade, na bonança.
No que eu estiver fadada.
Faz-me presa e libertadora.
Faz-me, o que quiser, o que for.
Só não me faça uma foto esquecida,
de um velho e findado amor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dúvidas? Indagações? Palpites? Ideias? Epifanias?
Só para comentar mesmo?
Tudo bem!
A vontade!
Aberta a opiniões.
A agradeço a sua visita ao anjo sonhador.
Espero que volte sempre que quiser, serás bem-vindo.

Vasculhe

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...