quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Elyakan e a desordem dos sete mundos


Há alguns anos li um livro que encontrei por acaso em uma bienal em Fortaleza. Digo por acaso por quê foi mesmo.Caiu em cima do meu pé...
Mas enfim, era um livro intitulado Elyakan e a desordem dos sete mundos, e isso chamou-me a atenção até mais do quê a maneira com que ele veio até mim. Acabei o comprando e não me arrependi.
O livro é do autor  Eliazario Goulart Rocha, e conta a história de Elyakan, um garoto de dez anos, sardento e dentuço, que não possui auto-confiança ou amigos. Ele leva uma vidinha normal de uma família de baixa renda, sem muitos planos altos para o futuro, fora resolver os do presente: Um garoto chamado Roth que enferniza Elyakan, e conquistar Silvana,  a menina mais bonita da escola e seu amor secreto.
 Porém sua vida vira de cabeça para baixo quando um gambá(!) aparece na garagem de sua casa . Esse gambá é na verdade Lehrcuse, um mestre desfarçado pertencente há um mundo chamado Esima Valsi, do qual Elyakan descobre vir de verdade. Elyakan é na verdade um escolhido que veio parar no mundo onde cresceu por acidente, e agora precisa voltar ao seu verdadeiro lar para ajudar a misteriosa Mirvane, a mais poderosa lider, que segundo Lehrcuse foi quem criou Elyakan(não se mostra como ela fez isso).  a impedir um acontecimento que poderia vir a destruir os sete mundos!(Sem pressão no garoto.) 
Elyakan também descobre que há varias crianças como ele no mundo onde vive (não tão especiais quanto ele, como o próprio Lehrcuse menciona.) que vieram parar lá por acidente após o grande desgarramento, uma batalha que dessestabilizou seriamente os mundos e agora ameaçava retornar. Mas diferente das demais, sua família adotiva conheciam a verdade sobre ele todo o tempo.
Elyakan parte então com seu novo amigo (que não fica com aparência de gambá, claro), para um lugar que desconhece, e onde terá na verdade 16 anos.Lá ele encontra um mundo totalmente estranho, com paisagens que aparentam desenhos animados, lugares que desafiam as leis da física vigentes em seu antigo mundo, e pessoas que tramam por sua destruição.
Ele passa a treinar com Lehrcuse, que se torna amigo e confidente, apesar de alguns problemas iniciais. Aprende o delicado controle das emoções e no decorrer da trama são apresentados poderes seus que provam o quando ele é realmente especial.Nos são apresentados muitos personagens no decorrer da história que nunca parecem ser o que realmente são. Traidores ou amigos? Em toda a trama essa linha tênue é ultrapassada e o autor nos surpreende com novos fatos que viram tudo de cabeça para baixo e nos faz pensar sobre pré-julgamentos
Os mistérios são sempre o fio puxando a história,alguns não são totalmente  esclarecidos, o que da margem ou a nossa imaginação ou há a continuação em um segundo livro.
Elyakan passa por terriveis dificuldades que o obrigam a amadurecer. Cercado de pessoas que parecem nunca ser o que aparentam, sem saber ao certo em quem confiar de verdade.Sendo alvo de conspirações para destrui-lo e profecias na sala dos livros do amanhã (que na verdade não tem livro nenhum, mais uma porção de computadores possuidos e teclas digitando o destino das pessoas. Sinistro, mas bem mais prático), lá ele vê coisas sobre o seu futuro (nada agradáveis por sinal) que indicam sua importância naquele mundo. A maioria das profecias se cumprem no desenrolar da história. A maioria.
Alguns fatos também passam a intriga-lo, como uma voz que clama por ele na noite, e hora o atrai para situações inusitadas (quase sempre nos livros do amanhã), e outras o adverte sobre o perigo. Com o passar dos fatos Elyakan amadurece incrivelmente rápido (não se pode culpa-lo, com tanta gente querendo meter uma rasteira), aprende também a criar laços verdadeiros de amizade, a confiar em si mesmo, a não fazer pre-julgamentos. Ele se ergue como uma peça chave para a salvação de todos, e todo seu sofrimento(não vai ser pouco) faz com que mude seus conceitos. Pois ao mesmo tempo que luta para salvar a todos e a si mesmo, ele tambem continua a ser só um adolescente, com suas dúvidas, suas crises, sua dificuldade com garotas (apesar de ele ficar até bem saidinho, quem ler o capitulo do Baile vai ver isso) e sua insegurança com a aparência.
O Final eu não conto, mas admito que fiquei frustrada com algumas coisas, e terminei o livro com algumas especulações e a morte de um personagem do qual simpatizava. Mas ao todo é uma boa história, e apesar de ser aparentemente uma história infanto-juvenil, pode trazer também algumas lições para a vida adulta.
Essa história de Eliazario Goulart Rocha é cheia de encanto, lições sobre respeitar o que nos rodeia, amizade verdadeira e mostra um mundo mágico que habita dentro de nós. Onde tentamos aprender a controlar nossas emoções. E onde precisamos amadurecer, mas sem esquecer de acreditar em nós mesmos.

Obervações finais: Torço por Lise e não acredito que a traidora que foi punida seja realmente a verdadeira.Quem ler entende.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dúvidas? Indagações? Palpites? Ideias? Epifanias?
Só para comentar mesmo?
Tudo bem!
A vontade!
Aberta a opiniões.
A agradeço a sua visita ao anjo sonhador.
Espero que volte sempre que quiser, serás bem-vindo.

Vasculhe

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...